Setor Santa Catarina - Paróquia São Benedito e N. S. de Fátima
Pe. Simão Bento - Pároco
Paróquia São Benedito e Nossa Senhora de Fátima
Rua Ajuritiba, 375
Jardim Oriental - CEP: 04348-170

Tel.:(11) 5031-4246

e-mail : beneditoefatima@uol.com.br

EXPEDIENTE PAROQUIAL
Missas/Horários segunda a sexta às 19h30, Sábado às 19h, Domingo 8h, 10 e 18h Todas as segundas-feiras, Bênção do Santíssimo após a missa
ATIVIDADES
Secretaria terça a sexta das 8h às 11h e das 13h às 17h, Sábado das 8h às 12h Confissões Todos os dias após a missa.
Grupo de Oração Segunda feira às 20h
Grupo de Jovens Sábado às 17h

Pastorais existentes na Paróquia:Jovens, Ministros, Equipe Social, Legião de maria, Música, Liturgia, Batismo, Catequese, Crisma, Coroinhas, Irmandade de São benedito, Apostolado da Oração, Renovação Carismática e Capelinhas N.S. Fátima

BATISMO:

Preparação: todo 1ª Sexta-feira do mês

Batismo: no Domingo seguinte a preparação

No dia 04 de fevereiro de 1954, reuniram-se algumas pessoas na Rua Tejupá s/n com o intuito de planejar a construção de uma capela, cujo padroeiro seria São Benedito. A primeira iniciativa foi formar uma diretoria, para dirigir os trabalhos de construção desta capela.

Foi esta diretoria que procurou o então pároco da paróquia Nossa Senhora das Graças, o Pe. José da Conceição Meirelles, para falar dos planos do grupo e da necessidade do apoio da paróquia para a realização do projeto.

Não sabemos por qual motivo, mas, tempos depois esta diretoria demitiu-se e entregou ao Pe. Meirelles o movimento do caixa, para que ele escolhesse livremente uma nova diretoria.

Em 14 de fevereiro de 1955 o Pe. Meirelles nomeou uma nova comissão que iniciou novas campanhas e quermesses e conseguiu depois de muito esforço a compra do terreno situado à rua Ajuritiba, s/n.

No dia 08 de novembro de 1956, faleceu o Pe. Meirelles e para o seu lugar veio o Pe. Antonio Néri Junior, que continuou a ajudar a comunidade, o que possibilitou a construção da capela, na qual celebrou a primeira missa, no dia 01 de maio de 1957 às 9h.

Durante alguns anos, a comunidade São Benedito ficou sob direção da paróquia São João Batista e foi o Pe. Aníbal, que encaminhou em 09 de setembro de 1963 o pedido de ereção da paróquia a D. Vicente Zioni, que seria desmembrada da paróquia Nossa Senhora das Graças e se chamaria paróquia São Benedito e Nossa Senhora do Rosário.

Ainda não foi desta vez que o plano seria realizado, mas, em 16 de fevereiro de 1965 com o decreto 02969 é que foi erigida canonicamente a Paróquia de São Benedito e Nossa Senhora de Fátima. Foi também nomeado o primeiro pároco, o Pe. Fernando José Penteado que tomou posse no dia 07 de março de 1965.

Quarenta anos se passaram e muitos padres prestaram na Paróquia São Benedito e Nossa Senhora de Fátima os seus serviços, e viveram aqui o seu sacerdócio e contriuíram para que a paróquia fosse no bairro esta presença de Igreja, sempre dedicada ao serviço do Evangelho de Jesus Cristo.

Citar todos os padres que por aqui passaram seria difícil por falta de informações exatas sobre eles, por isso, limitei-me a falar um pouco das origens da paróquia, e finalizando agradecer a todos os padres e leigos que contribuíram para que a paróquia existisse, e dar o meu testemunho de que fui muito bem acolhido, foi como se chegasse na minha casa. Por isso peço a deus por intercessão de São Benedito e Nossa Senhora de Fátima, hoje, 05 de outubro de 2004, dia de sua festa, que abençoe a todos, ao bispo da nossa Diocese D. Fernando, aos padres antecessores, a mim para que possa dar o máximo de mim a esta paróquia, para que eu possa contribuir como os outros padres que por aqui passaram.

Se desejarem conhecer a paróquia São Benedito e Nossa Senhora de Fátima, ela está situada à rua Ajuritiba, 375, Cidade Leonor. Eu sou o Pe. José da Silva Filho, atual pároco que está aqui sempre disposto a colhê-los tentando seguir em primeiro a Jesus e ao nosso padroeiro principal São benedito com a proteção de Nossa Senhora de Fátima, co-padroeira.

Na Paz do Senhor !

História Vocacional

Nascido no interior de Minas Gerais, na cidade de Coluna, na zona rural não foi possível estudar quando criança, por falta de escolas na região. Aos 22 anos, descobriu que Deus o havia chamado para a vida sacerdotal, o que fez com que sua vida tomasse um novo rumo.

Durante 8 anos, perambulou por várias cidades do estado de Minas Gerais na tentativa de encontrar um lugar onde pudesse fixar-se e recomeçar os estudos, pois, os interrompera aos 9 anos, ainda na terceira série do primário.

Com 28 anos, veio para São Paulo, decidido a ficar por aqui e estudar. O início foi difícil, mas, Deus o ajudou e ele teve força e perseverança para suportar os 4 anos necessários para os cursos de primeiro e segundo graus. Em 1993, procurou o Padre Bernardo Daly, pároco da paróquia Jesus Maria José, onde participava,e este o encaminhou a Diocese de Santo Amaro que o acolheu dando-lhe apoio necessário para o início da sua formação para o ministério sacerdotal.

Ordenado no dia 01/12/2000, Pe José vive já o seu quarto ano de vida sacerdotal, agradecido e feliz por ter conseguido chegar onde ele mesmo só acreditou quando D. Fernando o apresentou ao povo e disse que já era padre, durante a missa de sua ordenação, na paróquia N.S. do Perpétuo Socorro e Santa Rosália.

O que até aquele dia parecia impossível, tornou-se realidade e incentivo para que ninguém se desanime por ter sido chamado, mesmo que tardiamente, para o ministério sacerdotal.

Corajem! Jesus será tudo para você. Ele é o caminho, a verdade e a vida !.

Mande seu E-mailPágina PrincipalVisite a Cáritas Diocesana de Santo AmaroConheça a Campanha da Fraternidade 2005Visite a Regional Sul 1Visite a CNBBVisite o VaticanoContatoNormas PastoraisAgenda de EventosSetores DiocesanosSemináriosOrganizaçãoCleroReflexõesPágina PrincipalContatoAgenda de EventosNormas PastoraisSetores DiocesanosOrganizaçãoSemináriosCleroReflexõesPágina PrincipalBuscaContatoAgenda de EventosNormas PastoraisSetores DiocesanosOrganizaçãoSemináriosCleroReflexõesPágina PrincipalBusca